A versão digital do documento do veículo está disponível em todo o Brasil a partir desta quarta-feira (1º), informou o Ministério da Infraestrutura.

O processo de implementação do documento digital para carros, motos e outros veículos começou no fim de 2018, e existem 4.083.150 CRLVs digitais no Brasil até agora.

De acordo com o ministério, a emissão do documento passa a ser inteiramente online e não é necessário ir ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran) local para obter o documento digital.

Passo-a-passo 

Para emitir o CRLV-e, o proprietário precisa estar em dia com o licenciamento anual do veículo e não ter nenhuma outra pendência cadastral. Se estiver tudo certo, basta acessar o site do Detran na área de Veículos e clicar na aba imprimir CRLV-e, onde será redirecionado ao site do Denatran para o cadastro de usuário.

Após o preenchimento de dados, será emitido um documento que pode ser impresso ou apenas fazer a leitura do QR Code (Quick Response Code), pelo celular. Depois, o usuário pode baixar o aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) em seu smartphone e, munido do número do Renavam e do código de segurança impresso no Certificado de Registro do Veículo, terá acesso à via digital da documentação.

A nova plataforma permitirá que mais de um documento seja registrado no celular, desde que o veículo esteja no nome do mesmo proprietário. Além da comodidade, o aplicativo garante mais funcionalidade já que é útil quando um mesmo veículo é utilizado por mais de uma pessoa.

A autenticidade do documento é garantida pelo QR Code, que pode ser lido para verificar se há alguma falsificação no documento durante uma fiscalização de trânsito. Contudo, para sair do país com o veículo, o condutor precisará, obrigatoriamente, imprimir o documento.

Fonte: G1